24
set

MIX DE REFERÊNCIAS

Olá chicas,

 

 Sempre repito por aqui que estilo tem mais a ver com a nossa atitude diante da vida do que propriamente com nosso poder aquisitivo.

Repito também que se a referência do seu look remete a um ou a vários estilos, não importa se as peças que o compõe foram adquiridas num camelô ou numa maison.

Obviamente quem gosta de moda adoraria vestir apenas peças de boa qualidade sempre (boa modelagem, bom corte, bom tecido, boa arte, etc), mas a natureza não dá saltos, então não fique de fora só porque neste estágio de sua vida você não tem como ter acesso a peças verdadeiramente tops!

Procure se conhecer, saber o que você realmente gosta de usar e principalmente, o que realmente cai bem em você e pronto: isso é estilo, o seu!

Então, escolheu o que realmente gosta e o que realmente cai bem em você?  Coube no seu bolso e é compatível com a sua realidade? Você está à vontade com a sua escolha?  Está feliz e confortável? Então o céu é  o limite, pois elegância é antes de tudo uma questão de conforto (conforto em todos os sentidos), acredite!

Sim mas toda essa conversa, pra que mesmo? Pra dizer que estou toda prosa com este look que mixa referências clássicas que eu particularmente adoro: alfaiataria, rocker, grunge, masculino e feminino, tudo junto e misturado, sem gastar uma fortuna até porque não tenho necessidade de sair por aí usando peças no dia a dia que eu não poderia comprar só porque sou louca por moda!

Aí você, chica: sim, mas cadê o tal de mix de referências? O mix está na pegada do look: chemisier (alfaitaria/feminino); estampa  xadrez (grunge); cinto com tachas (rocker) e sapatos oxford – (masculino), entenderam?

Pouco importa se o vestido que estou usando foi adquirido numa fast fashion, importa a(s) referência (s) que passei,certo?

Beijo, chicas!

Categories: Cá entre nós

Deixe seu comentário